VOLTAR

Funai proíbe Maguta de atuar no Brasil

A Crítica (Manaus-AM)
07 de mai de 1988

O presidente da Funai, Romero Jucá, proibiu o Centro de Documentação e Pesquisa do Alto Solimões (Maguta) de ingressar em qualquer área indígena do país. A decisão foi tomada devido ao fato que o comportamento de integrantes do Maguta nas terras Ticuna vai contra as diretrizes da política indigenista do governo brasileiro.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.