VOLTAR

Funai pretende enquadrar assassinos como genocidas

O Liberal (Belém-PA)
07 de mai de 1988

A Fundação Nacional do Índio (Funai) se esforça para condenar os autores da chacina dos índios Ticuna como genocidas em julgamento federal, além disso, busca apurar denúncias contra entidades ligadas à causa indígena na região, que segundo as acusações, teriam incitado o conflito entre indígenas e brancos.
A reportagem também trata sobre o programa de saúde emergencial para os Yanomami do estado de Roraima, lançado pelo presidente da Funai em Manaus.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.