VOLTAR

Funai paralisa obra de rodovia

O Estado de São Paulo
06 de set de 1975

Considerando-se impossibilitado de cumprir legalmente uma série de exigências apresentadas pela Funai em relação a um trecho de 12 quilômetros que corta a reserva dos índios Fulni-Ô, em território pernambucano, O DNER - Departamento Nacional de Estradas de Rodagem - está com as obras de construção da rodovia BR-423, ligando Garanhuns, em Pernambuco, a Paulo Afonso, na Bahia, paralisadas e agora aguarda os entendimentos que serão mantidos entre seu escritório em Brasília e a presidência da Funai.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.