VOLTAR

Funai faz pazes com tembés

O Liberal
21 de jan de 1996

O presidente da Funai, Márcio Santilli, se reuniu ontem com 15 lideranças indígenas das áreas da reserva do Alto Rio Guamá, das etnias Tembé e Ka'apor, que chegaram a Belém trazendo quatro funcionários que fizeram de reféns desde terça-feira passada, exigindo uma solução para o problema dos invasores que vivem ilegalmente em suas terras. Segundo a notícia, a reunião foi tensa, os ânimos estavam exaltados pois os índios se dizem cansados de mentiras, e que é preciso solucionar de uma vez por todas o problemas de suas terras. Só se acalmaram quando Santilli lhes comunicou da possibilidade de trasferir os posseiros para uma área do Incra, em Parauapebas.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.