VOLTAR

Funai desmente emancipação

O Estado de S.Paulo (São Paulo - SP)
25 de fev de 1981

O presidente da Funai, coronel Nobre da Veiga, desmentiu as informações de que o órgão estaria decidido a emancipar os povos indígenas brasileiros, assinalando que, de acordo com a legislação, apenas os próprios indígenas podem solicitar a emancipação. No último domingo, o presidente do Cimi denunciou que a Funai pretende emancipar os índios no Brasil sem consultar o Congresso nem a opinião pública. Além disso, a notícia traz informações sobre a demarcação da TI Mata da Cafurna; assim como da frente de atração dos indígenas Uru-Eu-Wau-Wau liderada pelo sertanista Hugo Pedro da Silva; e das mortes entre os indígenas Kaingang por sarampo e desnutrição.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.