VOLTAR

Funai constata que missão religiosa trata os Carajás com discriminação racial

Jornal do Brasil (Rio de Janeiro-RJ)
24 de abr de 1976

O Departamento Geral de Planejamento Comunitário da Funai constata em relatório que os índios Karajá do Posto de Fontoura, na Ilha do Bananal, sofrem discriminação por parte da missão religiosa Adventista do 7 Dia. O relatório, que também confirma o estado de degradação daquelas comunidades, será entregue ao Ministro do Interior, Rangel Reis.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.