VOLTAR

Funai confirma que a "fog" matou 14 índios

O Estado de São Paulo
29 de jul de 1973

A Funai confirmou a morte de 14 índios waimiri-Atroari, vítimas da gripe "fog". O surto atingiu o grupo quando sertanistas, chefiados por Gilberto Pinto, tentavam entrar novamente em contato após o ataque dos indígenas ao posto da Funai. Logo que foi registrada a presença da gripe, funcionários da Secretaria de Saúde do Amazonas aplicaram vacinas anti-gripais nos índios, o que não surtiu efeito. A notícia também traz informações sobre o roubo de relíquias dos índios Canela, que estavam expostas no Museu Emílio Goeldi, e também informa a decisão de lideranças Waimiri-Atroari em permitir que o 6o BEC erga uma ponte na área indígena, para construção da BR-174.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.