VOLTAR

Funai admite a morte de outros servidores

Jornal do Brasil (Rio de Janeiro-RJ)
06 de out de 1974

A Funai anunciou que provavelmente mais três servidores foram mortos pelos índios Atroari na região onde está sendo construída a rodovia Manaus-Boa Vista. A reportagem apresenta o relato detalhado de um funcionário que sobreviveu ao ataque. O sertanista Gilberto Pinto tenta reestabelecer contato com os indígenas, mas o grupo ateou fogo em suas malocas e despareceu na mata.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.