VOLTAR

"Forças ocultas" na Assembléia Indígena

A Crítica (Manaus - AM)
03 de mai de 1987

Advogada ecologista presente na II Assembléia Geral dos Povos do Alto Rio Negro afirmou que o evento foi totalmente manipulado, e que a comunidade interessada - os índios - não puderam expressar inteiramente seus posicionamentos.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.