VOLTAR

Doenças ameaçam índios amazônicos

Correio Brazilienese (Brasília - DF)
20 de ago de 1997

O coordenador do Conselho Indígena do Vale do Javari, Clóvis Rufino, informou durante o I Encontro de Agentes Indígenas da Amazônia Brasileira, realizado em Manaus (AM), que um surto de coqueluche atingiu um número considerável de índios que vivem na fronteira com o Peru. De acordo com Rufino, apenas em uma semana duas crianças morreram em decorrência da doença.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.