VOLTAR

Denunciada omissão em Itaipu

O Estado de São Paulo
Autor: Roberto Codas
08 de nov de 1978

Antropólogos contratados pela Itaipu Binacional e pela Associação Indigenista do Paraguai denunciaram, em relatório, que em torno de 250 famílias Guarani Ñandeva "perambulam desesperadas ao longo do rio Paraná e da fronteira seca entre o Brasil e o Paraguai", dentro da área de segurança afetada pelo "grande empreendimento da Binacional". Segundo eles, a situação é consequência da omissão da empresa.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.