VOLTAR

Delegado da Funai é acusado de sedução. Advogada diz que houve engano e má fé.

Folha de Boa Vista
11 de abr de 1986

O delegado regional da Funai, Raimundo Nonato Correia, foi apontado como sedutor de uma índia de 16 anos, da maloca da Raposa, que está no quarto mês de gestação. A menor, porém, afirmou na sede da Funai que não acusou o delegado. A jovem revelou que o Raimundo Nonato a quem se referia era seu namorado, e não o delegado da Funai. Para a advogada da Funai tudo não passa de uma tentativa de desestabilizar a imagem do órgão. A notícia também traz a informação de que o Ministro do Interior criará grupo de estudos para tratar da problemática indígena de Roraima. O grupo será constituído por representantes do Ministério, da Funai e do Governo.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.