VOLTAR

Corredor Ecológico participa de discussão sobre modelos de restauração florestal

Portal Nacional de Seguros - https://www.segs.com.br/demais
16 de mai de 2019

Corredor Ecológico participa de discussão sobre modelos de restauração florestal

por Suzane Rodrigues Ferreira

Evento no Sítio dos Ipês, em Cachoeira Paulista, é uma parceria com o Instituto Coruputuba, The Nature Conservancy e Instituto Socioambiental

O Corredor Ecológico Vale do Paraíba realiza nesta sexta-feira (17), a partir das 8h30, um dia de campo para colocar em discussão diferentes modelos de restauração florestal. A atividade acontece no Sítio dos Ipês, em Cachoeira Paulista, em parceria com as entidades Instituto Coruputuba, The Nature Conservancy e Instituto Socioambiental.

Durante o evento, que é aberto ao público e gratuito, integrantes das organizações vão avaliar os custos-benefícios ecológicos e econômicos de quatro diferentes modelos de restauração da vegetação nativa. Entre as alternativas, os participantes vão debater técnicas como a semeadura direta, plantio de mudas e condução da regeneração natural.

Não é por acaso que o evento será realizado na área rural. O Sítio dos Ipês, que conta com consultoria do Corredor Ecológico, é um exemplo de implantação de agrofloresta - e já colhe frutos de uma alternativa sustentável para geração de renda no campo.

Está previsto um café da manhã como recepção, às 8h30, para abrir a programação. O início das discussões é às 9h30 e o encerramento, às 11h30, com um lanche coletivo às 12h. A inscrição é gratuita e a presença pode ser confirmada pelo e-mail marina_campos@tnc.org.

Modelos de restauração florestal
Local: Sítio dos Ipês - Cachoeira Paulista
Horário: 8h30 às 12h
Realização: Corredor Ecológico do Vale do Paraíba, Instituto Coruputuba, Sítio dos Ipês, The Nature Conservancy e Instituto Socioambiental
Valor: Gratuito, mediante inscrição prévia

O Corredor Ecológico

Criado em 2009, o Corredor Ecológico reúne organizações do primeiro, segundo e terceiro setores para propor um diálogo sobre o desenvolvimento social, econômico e cultural do Vale do Rio Paraíba do Sul por meio do planejamento e de intervenções que ampliem a oferta de serviços ecossistêmicos integrados ligados à água e à biodiversidade, com a conscientização da sociedade para o valor do patrimônio ambiental da região. Para isso, o Corredor desenvolveu a metodologia "Linhas de Conectividade", que visa garantir o desenvolvimento e a perenidade das florestas a partir de um guia de reflorestamento que mapeou todas as áreas que precisam receber plantios, evitando assim que investimentos florestais sejam desperdiçados.

https://www.segs.com.br/demais/171291-corredor-ecologico-participa-de-d…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.