VOLTAR

Condenado a 11 anos o matador dos índios

O Estado de São Paulo
Autor: Sérgio Buarque
31 de mai de 1975

Até o fim, Ramiro Costa afirmou que os patrões - proprietários da firma Arruda & Junqueira - planejaram a morte dos índios. O senador Eurico Rezende (Arena-ES), contratado pela Funai como assistente da promotoria, afirma que a condenação de Ramiro serviria para melhorar a imagem do Brasil no exterior.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.