VOLTAR

Comunidade internacional acompanha os detalhes da rotina de violência no Acre

Gazeta Mercantil (São Paulo - SP)
14 de dez de 1990

São jornalistas, seringueiros, sindicalistas e ecologistas que marcam presença na sessão do tribunal onde é feia a leitura de trechos das quase 3 mil páginas do processo sobre o homicídio de Chico Mendes.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.