VOLTAR

Colonos mantêm índios e técnicos como reféns no PA

O Estado de São Paulo
Autor: Carlos Mendes
31 de mai de 1996

Oitenta índios dos povos Tembé e Ka'apor, além de dois técnicos da Funai, estão sendo mantidos reféns por 800 colonos da Vila Livramento, em Garrafão do Norte. Os índios, da reserva do Alto Rio Guamá, que há várias décadas tentam livrar suas terras de invasores, são acusados pelos colonos de agredirem os agricultores, destruir plantações e barracos e confiscar utensílios. As tentativas de negociação da Funai para a liberação dos reféns foram fracassads, os colonos exigem agora um contato direto com Brasília, porque, segundo eles, "no Pará ninguém decide nada".

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.