VOLTAR

Cinco mil índios são esperados em protesto no MS

Campo Grande News-Campo Grande-MS
06 de dez de 2001

A organização do protesto que será realizado amanhã no município de Paranhos estima a presença de pelo menos cinco mil índios no evento, sendo três mil da Aldeia Pirajuí, onde o professor Adriano Pires, 25 anos, lecionava antes de ser assassinado na estrada que liga os municípios de Paranhos e Sete Quedas.

Outros dois mil farão parte das caravanas que estão sendo organizadas nas aldeias de Caarapó, Amambaí, Iguatemi e Eldorado, além dos índios guaranis do Paraguai.

Durante o protesto eles vão pedir maior agilidade nas investigações e punição para o responsável pela morte do professor indígena, além de pedir paz para a região de fronteira.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.