VOLTAR

Caiapós ganham na Justiça as terras invadidas

A Crítica, Manaus - AM
05 de jun de 1994

A Funai começou a veicular, no dia 30 de maio, um comunicado na Rádio Nacional da Amazônia, do Governo Federal, para avisar que três mil garimpeiros e madeireiros têm 30 dias para deixar a reserva indígena Kayapó (sul do Pará). A medida atende a uma decisão do juiz da 3 ª Vara da Justiça Federal, em Brasília, com base em ação movida pela Procuradoria Geral da República.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.