VOLTAR

Brasil é acusado de torturar índios

Correio Popular (Campinas-SP)
04 de ago de 1988

A Anistia Internacional denunciou o Brasil em relatório apresentado em Genebra como um país em que ocorrem tortura e assassinatos contra minorias indígenas. De acordo com o relatório, as populações indígenas brasileiras estão sob ameaça crescente por defenderem seu território contra a incursão de fazendeiros, madeireiros e mineradoras. Para isto, a entidade utilizou como exemplo o massacre do Capacete, em que 14 índios Ticuna foram mortos por homens armados a serviço de um comerciante de madeira interessado na terra indígena.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.