VOLTAR

Bispo explica o que a igreja pretende do governo para garantir os direitos dos Yanomami

A Gazeta de Roraima (Boa Vista - RR)
Autor: Katia Brasil
12 de set de 1991

Dois encontros movidos pela Diocese de Roraima, com a participação de missionários, bispos e assessores do Cimi produziram várias reflexões e demonstram a preocupação com a trágica situação de saúde dos povos Yanomami e com a falta de demarcação das terras. O bispo de Roraima, dom Aldo Mongiano, fala que a situação dos Yanomami se deveu não só ao garimpo, mas também à circulação indiscriminada de turistas e pelos assentamentos militares que ocorrem na região.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.