VOLTAR

Atroaris, a frente mais cara da AM

O Estado de São Paulo
07 de jun de 1975

Presidente da Funai assina portaria criando quatro postos de vigilância ao longo da rodovia Manaus-Caracaraí, cuja construção tem causado problemas com os Waimiri-Atroari. Essa é a frente de atração indígena mais dispendiosa que vem sendo mantida na Amazônia pela Funai, para onde já foram canalizados, desde julho de 1974, Cr$ 3 milhões.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.