VOLTAR

Áreas marinhas e costeiras ganham reforço financeiro

((o))eco - http://www.oeco.org.br/
Autor: Sabrina Rodrigues
06 de dez de 2018

Áreas marinhas e costeiras ganham reforço financeiro
06 dezembro 2018 17:35

Por Sabrina Rodrigues*

A conservação das áreas marinhas e costeiras ganhou um reforço na terça-feira (04) com o lançamento do Fundo Marinho. Com o aporte inicial de US$ 9 milhões de dólares, o Ministério do Meio Ambiente (MMA) pretende garantir a continuidade do Projeto Áreas Marinhas e Costeiras Protegidas (GEF MAR) e assim conservar a biodiversidade desses ambientes, ampliar o número de unidades de conservação, além de aplicar recursos para a sua implementação a longo prazo.

"A iniciativa é diferenciada porque apoia a criação de novas unidades de conservação e a sua implementação, além de inserir as comunidades do seu entorno", afirma o secretário de Biodiversidade do MMA, Fernando Lyrio.

O projeto será coordenado pelo Departamento de Áreas Protegidas do Ministério do Meio Ambiente (MMA) e a execução ficará a cargo do Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio).

A GEF MAR ainda contará com outros R$ 60 milhões oriundos de um Termo de Compromisso firmado entre o Ibama e a Petrobras para disciplinar as ações e medidas necessárias para adequação das plataformas marítimas de produção da empresa, em relação ao descarte de água de produção.

*Com informações da Assessoria de Comunicação do Ministério do Meio Ambiente.

https://www.oeco.org.br/blogs/salada-verde/areas-marinhas-e-costeiras-g…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.