VOLTAR

Aldeia em Rondônia recorreu ao incesto para evitar extinção

O Globo (Rio de Janeiro - RJ)
Autor: Daniel Hessel Teich
31 de ago de 1996

A notícia trata da "descoberta" recente, do antropólogo Carlos Frederico Lúcio, da liberação do incesto entre os karitiana nos anos 60. O responsável pelo feito foi o cacique Antônio Moraes, que teve filhos com várias mulheres, evitando o desaparecimento do grupo. Hoje, 95% dos índios da aldeia descendem deste chefe, mas os casamentos incestuosos são raros.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.