VOLTAR

Água poluída pode ter causado morte de índio

O Estado de São Paulo
Autor: Carlos Mendes
19 de jun de 2000

Depois de doença atacar os índios Tembé, na reserva do Alto Rio Guamá, o que resultou na morte de um menino de 13 anos, os institutos Evandro Chagas e Adolfo Lutz estão examinando a água usada pelos índios, cuja contaminação desconfia-se ser a causa. O resultado será divulgado pela Funasa, que suspeita de contaminação causada por madereiras da região, que atuam até dentro da reserva indígena. O líder Sérgio Tembé culpa a Funasa pelo fato de os índios estarem consumindo água do rio e de poços precariamente abertos.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.