VOLTAR

AC - Em Rio Branco, povos indígenas ocupam o DSEI e pedem saída de chefe do Distrito Sanitário de Saúde Indígena

Combate Racismo Ambiental - http://racismoambiental.net.br
Autor: Ana Patrícia Chaves Ferreira
20 de fev de 2014

A ocupação ocorreu na manhã de quinta-feira (20) e tem como objetivo a imediata saída do Coordenador do Distrito Sanitário de Saúde Indígena, o Sr. Raimundo Costa que há quatro anos coordena o DSEI. Um dos líderes da manifestação e presidente do Conselho Distrital de Saúde Indígena, Sabá Manchineri, afirmou que ao tentarem dialogar com a gestão, todos fugiram do prédio.

"Os povos indígenas têm pago com suas próprias vidas, pois casos de mortes são corriqueiros em decorrência da má administração do DSEI, que diante de todos os descasos ocorridos não fazem nada", relata um dos líderes da manifestação, Ninawa Huni Kui.

As condições dos pólos de saúde nos municípios são precárias, e o atendimento aos pacientes indígenas chega a ser revoltante. Falta de tudo: medicamentos, barcos, equipes que visitem as comunidades indígenas com freqüência, ou seja, o descaso chega a ser desumano. O pior de tudo é o índice alarmante de crianças que vem a óbito, em decorrência dessa má administração, que é apoiada e mantida pelo governo.

Povos como Apurina, Jaminawa, Huni Kui, Manchineri, Kaxarari, Madiha, Jamamadi e Ynawanawa estão presentes nessa manifestação e afirmam que só saírão depois que o Sr. Raimundo Costa não estiver mais ocupado o cargo de coordenador do DSEI.

http://racismoambiental.net.br/2014/02/ac-em-rio-branco-povos-indigenas…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.