VOLTAR

Funasa confirma contaminação de bebê indígena por gripe suína no Pará

Folha Online - http://www1.folha.uol.com.br/folha/cotidiano/ult95u701244.shtml
02 de mar de 2010

Um bebê indígena foi internado no último domingo (28) em Belém (PA) após apresentar sintomas de gripe suína --a gripe A (H1N1). De acordo com a Funasa (Fundação Nacional de Saúde), esta foi a primeira confirmação da doença entre os 21. 411 indígenas do Estado.

O menino, que tem seis meses, mora em uma comunidade localizada a aproximadamente 20 km do município de Tucuruí, e pertence a etnia Assurini. Após a confirmação do diagnóstico, a criança foi transferida para o Hospital Universitário João de Barros Barreto, em Belém, onde permanecia internado até esta terça.

Antes da confirmação da doença, ele ficou internado por 16 dias em um hospital na cidade com suspeita de pneumonia, mas recebeu alta e voltou para a aldeia. Segundo a Funasa, a criança foi medicada, passa bem e não corre risco de morrer. Entretanto, ela deve permanecer internada em observação por tempo indeterminado.

Diante do caso, uma equipe do DSEI (Distritos Sanitários Especiais Indígenas) Guamá-Tocantins deverá monitorar o avanço da doença entre os índios da aldeia Trocará, onde será realizada uma vacinação entre os dias 15 e 20 deste mês.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.